Search
Close this search box.

Visita de Bolsonaro à Câmara ao lado de embaixador de Israel causa “ciúmes” em Lula

Bolsonaro

Bolsonaro acompanhou o embaixador de Israel em um evento na Câmara dos Deputados, na quarta-feira (8)

A visita de Jair Bolsonaro ao lado do embaixador de Israel no Brasil, Daniel Zonshine à Câmara dos Deputados nesta semana, foi interpretada pelo Ministério das Relações Exteriores como um tipo de “afronta” ao governo Lula. 

 

Segundo fontes no Itamaraty, apesar de considerar um deslize do diplomata israelense, não haverá qualquer manifestação em relação ao incidente. A prioridade do executivo, no momento, é de resgatar todos os 34 brasileiros que permanecem na fronteira do Egito com a Faixa de Gaza.

Bolsonaro e embaixador estiveram na Câmara dos Deputados para falar do massacre do Hamas

Bolsonaro e Zonshine, vale destacar, se reuniram com parlamentares do PL para exibir imagens “devastadoras” do massacre comandado pelo Hamas a cidadãos de Israel no último dia 7 de outubro.

 

A ligação do ex-presidente com Israel é antiga. Em 2019, o Brasil contou pela primeira vez com a visita oficial de um Primeiro-Ministro israelense. Além disso, Benjamin Netanyahu comandou uma missão especial das Forças de Defesa de Israel para socorrer as vítimas do desastre ecológico em Brumadinho, Minas Gerais. Já o governo Lula ainda não condenou abertamente o Hamas como grupo terrorista.

 

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine nosso boletim informativo.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aproveite 20% OFF