Search
Close this search box.

Ramagem avisa que não irá prestar depoimento à Polícia Federal

Ramagem

O ex-diretor da Abin e atual deputado federal, Alexandre Ramagem, disse que só irá à PF quando tiver acesso aos autos do STF

O deputado federal Alexandre Ramagem (PL-RJ) decidiu enfrentar o Supremo Tribunal Federal. O parlamentar e pré-candidato à prefeitura do Rio de Janeiro afirmou que não irá prestar depoimento à Polícia Federal até que seus advogados tenham em mãos todos os detalhes da ordem judicial autorizada pelo ministro Alexandre de Moraes (STF).

Nesta quinta-feira, agentes da PF fizeram buscas em uma série de endereços do deputado federal, incluindo seu gabinete na Câmara dos Deputados.

Ramagem é alvo da Operação Vigilância Aproximada

Como o Paradoxo BR mostrou, Alexandre Ramagem é alvo da Operação Vigilância Aproximada. Além dele, são alvos da Polícia Federal – que incluem mais 19 investigados – suspeitos de usar um software adquirido pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin) em 2018, durante a gestão Temer, para monitorar adversários políticos do presidente Jair Bolsonaro (PL). O deputado investigado foi diretor da Abin entre 2019-2022.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine nosso boletim informativo.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aproveite 20% OFF