Search
Close this search box.

PL da Censura: Mais um deputado tenta seduzir a Câmara com fatiamento do projeto

PL da Censura é alvo de novo “fatiamento” na Câmara. Deputado governista quer dividir projeto em três, por “questão de urgência”

Na esteira da deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ), mais um parlamentar governista sugeriu o desmembramento do PL 2630/2020 para que ele seja recebido com simpatia pela Câmara. O PL da Censura, como é apelidado pela oposição, teve sua votação adiada após o relator da matéria, deputado Orlando Silva (PCdoB-SP) entender que o projeto não seria endossado pelos parlamentares.

Desta vez, o deputado federal Felipe Carreras (PSB-PE) irá tentar que o Projeto de Lei (PL) 2630 seja dividido em três versões, com os seguintes temas Direitos autorais (para artistas), Conteúdo Jornalístico remunerado (para a mídia tradicional) e o de Censura velada contra plataformas de internet, redes sociais e aplicativos de mensagens (WhatsApp e Telegram).

“Existem ali três projetos distintos, que são urgentes e que poderiam ser votados com debates distintos, com relatores distintos, com nomenclaturas de projetos distintos”, afirmou à Folha de S. Paulo o defensor da censura e idealizador do fatiamento, Felipe Carreras.

PL da Censura: deputado não justifica urgência das propostas

O requerimento de urgência para a votação do PL 2630/2020 citava apenas a “questão da segurança nas redes”. Deputados governistas chegaram a levar mochilas vazias como apelo emocional, sugerindo que o PL da Censura seria para evitar os recentes ataques às escolas de São Paulo, Santa Catarina. As demais matérias não foram apreciadas em caráter de urgência.
.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine nosso boletim informativo.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aproveite 20% OFF