Search
Close this search box.

Lula “esquece” governador petista e culpa Vale pelo desastre de Brumadinho

Lula

No aniversário de 5 anos do desastre de Brumadinho, Lula criticou a Vale sem mencionar Fernando Pimentel – o ex-governador de Minas Gerais que concedeu licença  especial para a mineradora

Em nova campanha para tentar emplacar o ex-ministro Guido Mantega como diretor da Vale, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aproveitou o aniversário de 5 anos da tragédia de Brumadinho para criticar a empresa. O incidente aconteceu no depósito de rejeitos da mineradora em 25 de janeiro de 2019, matando 270 pessoas. 

“Hoje faz cinco anos do crime que deixou Brumadinho debaixo de lama, tirando vidas e destruindo o meio ambiente. Cinco anos e a Vale nada fez para reparar a destruição causada”, reclamou Lula.

 

Lula “esquece” Fernando Pimentel

A crítica feita pelo presidente, contudo, esqueceu de citar a responsabilidade do petista Fernando Pimentel, que havia deixado o governo de Minas Gerais havia duas semanas. Pimentel – que permaneceu em silêncio sobre o desastre – assinou uma das  permissões para a mineradora reaproveitar 1 milhão de metros cúbicos de rejeitos da barragem rompida.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine nosso boletim informativo.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aproveite 20% OFF