Search
Close this search box.

Liberdade nas redes: Arthur Lira pede “moderação” contra censura

Liberdade nas redes ameaçada. O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), afirmou hoje no evento “Liberdade de Expressão, Redes Sociais e Democracia“, organizado pela Rede Globo e FGV, no Rio de Janeiro,, que é preciso ter “equilíbrio” quando o tema é regulação das mídias sociais.
Em seu discurso, o parlamentar pediu moderação, para que exageros e censura não acontecem em um estado democrático de direito.

“A sociedade brasileira espera que os administradores, os representantes eleitos e os magistrados deste País consigam encontrar, o quanto antes, uma forma de equilibrar o fenômeno das redes sociais, da democracia e da liberdade de expressão, para que possamos avançar com tranquilidade no caminho da estabilidade política e do progresso social e econômico que dela decorre”, declarou Lira.

“Encontrar esse equilíbrio não é uma utopia, é uma necessidade. O mundo busca essa solução”, completou o deputado.

Liberdade pode ser censurada com “um mero clique”

Em sua participação no evento da FGV, que contou com a presença do ministro Alexandre de Moraes (STF), Lira apontou ainda que as redes sociais “são veículos da liberdade de expressão e da democracia, mas as manifestações podem ser facilmente restringidas com um mero clique”.

“Não podemos abrir mão de um deles sob pena de perdermos o outro e, com isso, mergulharmos no turbilhão imprevisível da instabilidade social”, afirmou Lira.

Já o ministro Alexandre de Moraes preferiu criticar os críticos da imprensa. Segundo o magistrado, esta seria uma justificativa de impor controlo nas mdiias.

“Essa rede de desinformação, o primeiro grande alvo foi desacreditar a imprensa livre, a imprensa democrática. São três os pilares da democracia: a liberdade de expressão e a liberdade de imprensa, as eleições livres e periódicas, e a independência do Poder Judiciário. O primeiro pilar atacado por esses extremistas foi a liberdade de imprensa. E em grande parte obteve sucesso”., apontou Moraes.

 

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine nosso boletim informativo.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *