Search
Close this search box.

Exclusivo: Brasileiros falam sobre o 1º ataque da história do Irã ao território de Israel

Israel

Ofensiva aconteceu às 2h da manhã (hora de Tel Aviv) e teve 99% dos ataques contidos pelas Forças de Defesa de Israel 

Nas primeiras horas da madrugada deste domingo (14), as sirenes voltaram a ecoar por todo o território de Israel. Desta vez, alertando para um fato inédito. Pela primeira vez na história, a Terra Santa se tornou alvo direto de ataques bélicos do Irã.

A resposta foi mais do que imediata. Usando do que existe de mais moderno em tecnologia de defesas, as Forças de Defesa de Israel  abateram 99% dos projéteis enviados contra seu território, em resposta à ofensiva israelense contra a embaixada do Irã, na Síria, em 1º de abril, quando  Mohammed Reza Zahedi – um dos principais apoiadores logísticos do grupo terrorista Hamas – foi eliminado.

Enquanto isso, em Israel, brasileiros que vivem no país há anos relataram com exclusividade ao Paradoxo BR o cenário do país, que voltou a ser atacado, seis meses depois do Massacre de 7 de Outubro.

“Trabalhei até mais ou menos às 2h da manhã, quando começou o ataque iraniano”, conta André Marcel, que há mais de 6 anos vive na cidade de Nahariya.

“O que ouvimos (das Forças de Defesa de Israel) é que 99% dos mísseis e drones foram abatidos no ar, antes de cruzar o espaço israelense. Mas na hora, o pessoal ficou aqui apreensivo tentando entender aquela história, entender o que aconteceu”.

André Marcel – que trabalha em Haifa – explica que a eficiência israelense se deve ao que há de mais moderno em defesa militar.

Além do tradicional Iron Dome, usado com frequência desde a invasão terrorista por Gaza em outubro, os militares aplicaram, com sucesso, o David’s Sling (para interceptar mísseis de alcance médio) e o Iron Beam, operado pela Rafael Defense System (embora  o uso deste não tenha sidoconfirmado).

“O David’s Sling foi usado para conter os mísseis balísticos e o Iron Beam – o mais moderno – opera a laser. Cerca de 90% dos testes feitos foram bem sucedidos”, acrescenta André.

Quando questionado sobre a reação do governo Lula – que não condenou o ataque de forma direta – André Marcel se mostra resignado como um brasileiro que ainda nutre amor pelo país natal.

“Do Brasil eu não espero mais nada. O Lula recebeu navios de guerra do Irã no Rio de Janeiro (em 2023). Só espero que o país não vire Venezuela rápido demais”, comenta.

Israel recebeu “um dos maiores ataques da história”, conta Dener Maimon

 

Morador da cidade de Kiryat Motzin, o brasileiro Dener Maimon se espantou com a dimensão da ofensiva iraniana, que chegou a assustar o país, embora informações da inteligência já antecipassem o ataque deste domingo.

“O Irã promoveu nesta noite um dos maiores ataques de mísseis já feitos contra qualquer país na história. Foram 361 drones de destruição, além de outra dezena de mísseis balísticos e de cruzeiro”, descreve Dener.

“O que seria um massacre se transformou na exibição do maior e mais eficiente sistema de defesa já visto no mundo. 

Houve 3 mortes, mas todas fora do território israelense. E Israel ainda nem começou a atacar!”, explica Dener.

“Caíram alguns em área desabitada, e o que se fala é que 99% de tudo que foi enviado foi interceptado”, aponta.

Já Alex Benacon, que vive em Petah Tikva, destaca o fato de que a maior parte do trabalho foi realizado pelas Forças de Israel, embora o país tenha contado com apoio de Estados Unidos, Reino Unido e França na interceptação terra-ar.

“Estou neste momento no trabalho. Os drones chegaram a passar perto de Jerusalém. Já na parte sul, nós contamos com apoio dos EUA, Inglaterra e França, perto da Jordânia. Na região central, nada chegou”, conta Benacon.

“Com todo respeito aos americanos, nossa Força Aérea cuidou de quase tudo. Senão poderiam ter causado danos fortes a Israel”, ressalta.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine nosso boletim informativo.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aproveite 20% OFF