Search
Close this search box.

Desemprego caiu nos últimos meses do governo Bolsonaro, aponta IBGE

Desemprego em baixa até o último dia do governo Bolsonaro. É o que indicou a mais recente apuração feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo o órgão, a taxa de pessoas sem ocupação formal encerrou 2022 na faixa de 7,9% – a menor desde 2014, quando havia atingido o patamar de 6,6%.

De acordo com o IBGE, o nível registrado no quarto trimestre de 2022 também foi o mais baixo desde o três últimos meses de 2015, quando chegou a 7,5%. Todos os dados obtidos são baseados na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – a PNAD contínua.

O IBGE ainda informou que 8,6 milhões de pessoas estavam sem emprego no quarto trimestre de 2022 – número que representa queda de 9,4% em relação ao trimestre anterior. Já em relação a dezembro de 2021, a queda foi de 28,6% – ou 3,4 milhões a menos de desempregados.

Desemprego em queda é explicado pelo IBGE

A retomada das contratações em relação a 2021 foi justificada pelo IBGE como a saída de um período de transição, que havia sido drasticamente influenciado pela pandemia de covid-19.

“O ano de 2021 foi de transição, saindo do pior momento da série histórica, sob o impacto da pandemia e do isolamento ocorrido em 2020. Já 2022 marca a consolidação do processo de recuperação” afirmou Adriana Beringuy, coordenadora de Trabalho e Rendimento do IBGE.

 

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine nosso boletim informativo.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *