Search
Close this search box.

Crise no ar: Gol acusa empresa rival de “tentativa de sabotagem”

Voa Brasil

Empresa afirma que a Latam já tentou contratar pilotos e adquirir aeronaves para atrapalhar seu processo de “fuga da falência”

Acusada de agir de forma “predatória” para atrapalhar a execução do plano de recuperação judicial da Gol, a Latam deverá prestar depoimento à justiça dos Estados Unidos para esclarecer sua recente atuação no mercado.

A empresa, controlada pela Abra, acusa a companhia aérea rival de tentar arrendar aeronaves e contratar seus pilotos, em meio à tentativa de quitar suas dívidas que ultrapassam os R$ 20 bilhões.

Com a decisão, a companhia multinacional poderá ser intimada a explicar uma série de condutas consideradas “suspeitas”, incluindo uma declaração recente do CEO da Latam, Jerome Cardier, concedida ao jornal Folha de S. Paulo.

“A Gol está com vários aviões parados. Quem sabe a gente pode colocá-los para voar”, sugeriu Cardier.

Gol saiu da B3 após anunciar recuperação judicial

Como o Paradoxo BR mostrou, a Gol Linhas Aéreas obteve o sinal verde do Tribunal de Falências de Nova York para executar um processo de recuperação judicial. A decisão proporcionou a liberação de uma concessão de crédito de US$ 960 milhões para que a companhia não encerre suas operações comerciais.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine nosso boletim informativo.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aproveite 20% OFF