Search
Close this search box.

Após driblar segurança reforçada, invasor do Alvorada é interrogado pela PF

Invasor

Invasor do Palácio do Alvorada foi detido pela PF e será investigado nos próximos dias

O governo Lula voltou a ser alvo de um “misterioso incidente” neste final de semana, ocorrido cerca de 24 horas antes do manifesto marcado por Bolsonaro em São Paulo. 

Após invadir a zona que supostamente seria protegida por um esquema de segurança reforçado, o homem que conseguiu se aproximar das residências do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e do vice-presidente Geraldo Alckmin (PSD) foi detido pela Polícia Federal em um condomínio, próximo do Palácio do Alvorada.

Invasor misterioso “errou o caminho de casa”

Sem divulgar a identidade do indivíduo – que foi transferido para a unidade regional da PF, em Brasília – as autoridades informaram que o condutor de um Ford Focus de cor azul-marinho tinha “sinais de embriaguez” e teria supostamente “errado o caminho de casa”. A tentativa de invasão ocorreu às 6 horas da manhã do sábado (24).

Inicialmente, as câmeras de segurança não foram capazes de registrar a placa do carro. O motorista, por sua vez, driblou  todos os obstáculos – incluindo uma “cama de faquir” que conseguiu estourar os pneus 

Mais informações em breve no Paradoxo BR.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine nosso boletim informativo.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aproveite 20% OFF