Search
Close this search box.

Apesar da pressão de Lula, BC mantém Brasil no Top 10 do ranking global de inflação

Inflação

Ranking promovido pela Austin Ratings tem Argentina na liderança, com 211% de inflação

Embora tenha se mantido dentro da meta estipulada pelo Banco Central, presidido por Roberto Campos Neto desde 2020 (foto), o Brasil aparece apenas em 7º lugar no ranking inflacionário do G20 – grupo das principais economias do mundo – da Austin Rating. O país com menor inflação de 2023 é a China, que registrou deflação de – 0,3%

A lista foi divulgada no final de semana pelo economista-chefe da agência de classificação de risco, Alex Agostini. Apesar do aumento das despesas nas contas públicas, que levou o país a encerrar 2023 com déficit primário de R$ 234 bilhões, o Brasil encerrou o ano com o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em 4,62%.

O controle da inflação, vale destacar, tem sido obtido pelas medidas aplicadas pelo Banco Central que resistiu à pressão do Executivo para baixar artificialmente a Selic, hoje ainda em 11,75%. 

Top 10 Ranking de inflação do G20 em 2024

 

1º Argentina – 211,4%

2º Turquia – 64,8%

3º Rússia – 7,7%

4º Índia – 5,7%

5º África do Sul – 5,5%

6º México – 4,7%

7º Brasil – 4,6%

8º Canadá – 3,9%

9º Alemanha – 3,9%

10º França – 3,6%

  

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine nosso boletim informativo.

Loading

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *